Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Álbum de Testamentos

Porque sou uma miúda com muitas maluqueiras e adoro escrever (e muito) sobre elas.

Follow Friday #4

Há quanto tempo não tínhamos uma Follow Friday? Pelo menos um ano, penso eu. Espero que não voltem a parar durante demasiado tempo, que eu já tinha saudades...

 

10817631_814044788729057_1052537708_n.jpg

 

Como já referi antes, a minha área é Farmácia. Hoje falo sobre isso. Vivemos numa era em que existe muita desinformação, sobretudo relacionada com a Saúde. As campanhas anti-vacinação enfurecem-me, por exemplo. Ainda não estou convencida em relação aos benefícios de uma dieta sem glúten para pessoas que não sofram de sensibilidade ou de doença celíaca. E ainda no outro dia li um artigo sobre a violência a que os doentes oncológicos estão sujeitos, quando lhes dizem que se podem curar através de yoga, dietas especiais, otimismo (não é por acaso que já existe o termo "ditadura do pensamento positivo"). Não que a Internet não tenha informações fidedignas, mas é muito fácil deixarmo-nos levar por mitos.

 

Ora, existe muito a ideia de que o farmacêutico pouco mais é que um empregado de balcão, mas não é verdade. Não substitui o médico, ou mesmo o enfermeiro, mas é um profissional com conhecimentos sobre quase tudo o que está relacionado com saúde. No curso, para além das Farmacologias, estudamos áreas tão diversas como Biologia Celular e Molecular, Biofísica, História e Sociologia da Saúde, Análises Clínicas, Química dos Alimentos (a sério. Quando estava a estudar para o meu exame de Bromatologia, pensava que estava a formar-me para ser inspetora da ASAE...), uma infinidade de outras Químicas, Legislação. Isto para não falar das inúmeras cadeiras opcionais, como Dermocosmética, Neurobiologia, Genética Humana, Medicamentos Veterinários, Ensaios Clínicos - e estas são as únicas de que me lembro. Somos obrigados a saber um pouco de tudo para exercer, daí que considere o farmacêutico com um bom profissional para tirar dúvidas sobre Saúde.

 

10817631_814044788729057_1052537708.jpg

Como nem sempre dá para ir à Farmácia pedir conselhos, uma boa alternativa é o blogue Dicas de Farmacêutica. A autora exerce a profissão há mais de vinte e cinco anos. Ou seja, para além do conhecimento teórico que referi acima, a Farmacêutica possui ainda infinidades de conhecimento prático - incluindo, penso eu, vários utentes que acompanhou e/ou acompanha ao longo de anos, tal como um médico faz com um doente. Tudo isto faz com que as informações do seu blogue tenham muito mais credibilidade que uma boa parte do resto da Internet. Tal como ela diz, a consulta do blogue não substitui o aconselhamento médico ou farmacêutico mas... é um começo.

 

Não deixem de visitar.

1 comentário

Comentar post

Pesquisar

 

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes

  • P. P.

  • Sofia

    Obrigada pelo seu feedback. Vou ter isso em conta.

  • Pedro

    Boa tarde,uso algumas destas aplicações e confirmo...

  • Sofia

    Na minha opinião, o Pocket será útil para quase to...

  • Chic'Ana

    Só conhecia mesmo o Spotify, vou investigar os out...

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D

Segue-me no Twitter

Revista de blogues

Conversion