Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Álbum de Testamentos

Porque sou uma miúda com muitas maluqueiras e adoro escrever (e muito) sobre elas.

Odaiba Memorial Day: Digimon Aventures 01 #6 - O irmão-galinha

 03a.jpg

 

Matt é, em vários aspectos, o oposto de Tai: sério, introvertido, cuidadoso, sensível para com os companheiros, ainda que tenha dificuldades em confiar nos demais. Na altura de tomar decisões, ele escolhe sempre a opção mais segura - entrando, naturalmente, em conflito com Tai.

 

Uma parte significativa da personalidade de Matt é definida pelo divórcio dos pais, que fazem com que este só veja a mãe o irmão mais novo, T.K. - também uma Criança Escolhida - muito raramente antes do início da história. Matt é, aliás, um feroz protector de T.K., quase um pai-galinha - já que fizemos um paralelismo com Lost, faz lembrar um pouco a relação entre Michael e o filho Walt. Em praticamente tudo o que acontece com Matt nesta temporada, T.K. está envolvido de uma forma ou de outra.

 

Não é de surpreender que, quando T.K. revela coragem e engenho próprios, quando se descobre que o rapazinho mais novo do grupo até sabe tomar conta de si mesmo e, até, ajudar o grupo, Matt se sinta perdido. É o que acontece na quarta parte da narrativa: Matt faz lembrar um pai que percebe que o filho já não é uma criança pequena, tem personalidade própria, toma conta de si, já não precisa dele. Sente mesmo que já não conhece o seu filho. Em oposição, Tai sempre lidou com T.K. como um pai fixe, que trata o rapazinho mais novo como alguém que pode ajudar o grupo, em vez de alguém a manter agarrado às sai... bem, às calças. Ou calções. É esse um dos motivos pelos quais Matt acaba por se virar contra Tai.

 

02.jpg

 

A Matt é atribuído o Cartão da Amizade, o que é paradoxal. Se por um lado ele coloca a segurança dos companheiros em primeiro lugar (ao contrário de Tai), por outro lado, ele tem dificuldades em confiar nos outros. Por duas vezes os vilões conseguem virá-lo contra os amigos: primeiro Joe, depois Tai, na situação que descrevi acima. Por sinal, é quando Matt descobre que se enganou em relação a Joe, quando descobre que devia ter confiado nele, que o Cartão da Amizade é activado pela primeira vez.

 

Da mesma maneira, quando, em cima do final da temporada, Matt é obrigado a enfrentar os seus próprios demónios (muitos fãs torceram o nariz à caverna onde os miúdos vão parar quando se deixam abater por pensamentos negativos, mas eu acho que funciona bem como metáfora), percebe que o divórcio dos pais o fez desconfiar das pessoas, despoletando as fricções com os amigos, Tai e T.K. sobretudo. É nesse momento (mais ou menos na mesma altura em que Tai se torna verdadeiramente um líder) que Matt abraça completamente a virtude que lhe foi  atribuída. Quando regressa para junto de Tai, o Cartão da Amizade reanima WarGreymon e a luta contra Piedmon é relançada.

 

Aquando deste recente revisionamento da primeira temporada de Digimon, Matt foi uma da minhas personagens preferidas. Ele é, de longe, um das personagens melhor construídas da temporada, com um lado sombrio mais evidente que qualquer outra Criança Escolhida. De resto, ele e Tai são claramente beneficiados em relação ao resto do elenco - são melhor caracterizados e são os únicos cujos Digimons atingem o nível Mega Campeão. Isto incomoda-me um bocadinho, para ser sincera, dá ideia de hierarquia entre as Crianças Escolhidas, quando deveria haver uma certa igualdade. É outra das consequências de ter um elenco tão grande, suponho eu...

 

Na próxima entrada, falaremos de Sora.

Pesquisar

 

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes

  • Sofia

    Obrigada pelo seu feedback. Vou ter isso em conta.

  • Pedro

    Boa tarde,uso algumas destas aplicações e confirmo...

  • Sofia

    Na minha opinião, o Pocket será útil para quase to...

  • Chic'Ana

    Só conhecia mesmo o Spotify, vou investigar os out...

  • Anónimo

    Sei que o Spotify é excelente não uso com regulari...

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D

Segue-me no Twitter

Revista de blogues

Conversion